1 2 3 4

[Review] Mao 「 toddle 」

0 comentários
Olá, queridos leitores do Expresso Japão! (^。^@)/^^ オカエリ Fiquei feliz em verificar que as visitas aqui do site estão aumentando. É bacana quando a gente se esforça muito por alguma coisa e vê que está dando certo e as pessoas estão gostando. Eu fico realmente contente quando alguém chega pra mim e fala que gostou do site, que tem lido, acompanhado. É uma sensação ótima! U\(●~▽~●)Уイェーイ!  Espero que as coisas só melhorem. Ano que vem traremos um montão de surpresas pra vocês, mas enquanto isso vamos nos concentrar no hoje! E hoje eu trago uma review super bacana por vocês. Não, não é de nenhum anime, mangá ou filme. Também não é de nenhum jogo (embora eu esteja tentando desenrolar um desde a semana retrasada e não sai nada). Trata-se de um álbum! Uma das músicas é muito conhecida por causa de um anime bastante recente, mas que tal conhecermos um pouco mais sobre Toddle, um álbum incrível da Mao?














Mao (まお) é uma cantora pop japonesa que nasceu na região de Kanagawa. Seus artistas favoritos são Carole King, Bonnie Pink e Chara. Ela já tinha feito outros trabalhos, mas ganhou muito reconhecimento por interpretar as duas músicas de encerramento da série Hakuouki (Shinsengumi Kitan e Rekketsu-roku, a primeira e a segunda temporada), Kimi no Kioku e Akane Sora Ni Negau.


Tracklist:
01. toddle
02. START!
03. 君ノ記憶
04. Departure
05. 終わらない世界
06. ココにいる。
07. センチメント
08. Dia
09. 小さな翼
10. S.Y.K
11. 願いゴト。
12. 恋のココロ

toddle
A primeira faixa do álbum é só um instrumental com algumas entonações de voz da Mao cantando LALALA. É muito bonitinho e tem um toque bem tradicional japonês. Também me lembrou uma canção natalina. Tem um toque muito meigo!

START!
É a música mais animada. Tem um estilo perfeito para uma abertura de anime (e é capaz de ser e eu não sei!) e um ritmo contagiante. A voz da Mao fica bem evidente na música, diferente de músicas em que o ritmo chega a ser tão alto que o vocal fica escondido na melodia. Mas essa é bem alegre e com certeza é do tipo que faz você cantar o dia todo!

君ノ記憶
Kimi no Kioku é o primeiro encerramento de Hakuouki, e uma das minhas preferidas. No início, dá pra perceber uma melodia tipicamente japonesa. Um som de flauta, fino, leve. A música é lenta, então dá pra viajar bastante enquanto se escuta. Sem dúvida, um dos melhores trabalhos da Mao. Eu me emociono muito quando ouço essa música e sem dúvida foi ela quem me fez me interessar pelo trabalho da Mao. Recomendo escutá-la com toda a atenção do mundo! Quem quiser ouvi-la, basta acessar o video do primeiro encerramento oficial de Hakuouki clicando aqui.

Departure
Assim como a anterior, também tem um quê especial que mexe com quem ouve. Em certo momento da música há o som de instrumentos duplos, o que a deixa mais "gloriosa". Não sei se é a palavra correta, mas não achei outra melhor. Foi uma das músicas que mais curti no álbum.

終わらない世界
No começo parece mais uma música lenta, mas depois fica claro que é uma música tipicamente pop. Com instrumentos compassados e animados, a voz da Mao se adequa perfeitamente à melodia porque dá pra perceber a alegria com a qual ela canta.

ココにいる。
Com uma guitarra alegre no início, essa canção não retrata mais um estilo tradicional japonês e nem tem aspectos que lembrem isso. Na verdade, é uma música bem pop, assim como a última. Um ritmo alegre no início, e durante as estrofes que não são o refrão a melodia se acalma dando lugar à voz da Mao. Muito linda!

センチメント
O início me lembrou muito a primeira faixa do disco, toddle. Tem um ritmo bem fofo, meigo, quase natalino. O início da canção só confirma: trata-se de uma música lenta e bonitinha. Outra daquelas que você começa a ouvir, viaja e quando termina você nem percebe!

Dia
Com um toque clássico, a música se dá, a princípio, com um ritmo lento e compassado. Depois ela vai se revelando realmente clássica, com vozes de acompanhamento bem nítidas. Me deu uma impressão religiosa, não sei se vocês pensarão o mesmo.

小さな翼
Animada e meiga, são as duas palavras que mais definem essa música. Ela tem o estilo perfeita pra ser abertura de um Shoujo ou de um jogo do mesmo gênero. Tem umas batidas rápidas em alguns momentos, mas o que mais fica evidenciado é a voz aguda da Mao.

S.Y.K
Trilha de um jogo otome de mesmo nome. Por ser um game para o público feminino, a música pop da Mao encaixou-se perfeitamente. É uma música alegre, contagiante. Ideal pra quem gosta de pop puro. É daquelas que pega na cabeça e você fica cantarolando o dia todo!

願いゴト。
Uma das lentas. A voz aguda da Mao fica bem evidenciada nessa música, e os backing vocals fizeram um ótimo trabalho dando um tom emotivo demais à canção. Ela me inspira uma confissão de sentimentos. Falar do outro, não de você.

恋のココロ
O forte da música é o piano. Ele é bem forte no início e se estende por toda a canção. A voz da Mao se mescla à melodia e entra de um jeito suave, meigo, quase angelical. Você não sente como se ela precisasse fazer esforço para sustentar a voz nem nada assim. É uma ótima forma de fechar o álbum.


Bom, espero que tenham gostado. Como não sou estudiosa de música, apenas uma apreciadora, tentei passar para vocês minhas impressões e os elementos que considerei essenciais de cada canção. Sei que posso ter repetido muitos termos, mas, a meu ver, todo o álbum segue um estilo único, um padrão. A Mao é pouco conhecida aqui no Brasil, então espero que mais pessoas escutem seu trabalho e o valorizem!

Kissu \(>∀<)/ レヽってらっUゃレヽ!!

0 comentários:

Postar um comentário